Considerações sobre o processo de usinagem de metais

A usinagem de metais é o processo de dar forma às peças através da remoção de material.

Alguns exemplos de processos de usinagem de metais são: corte, retificação, brochamento, lapidação, torneamento e furação.

Estes processos requerem um lubrificante para reduzir o atrito e para resfriar a peça e o ferramental.

Determinadas operações e metais requerem produtos especiais, sendo assim importante conhecer o processo antes que seja feita uma recomendação apropriada de fluido.

A seleção de um fluido de corte deve considerar a peça a ser trabalhada, a operação, o ferramental, a qualidade da água, a filtragem, e o equipamento. Ao selecionar um fluido de corte para satisfazer um determinado serviço, os fatores básicos a seguir devem ser levados em consideração:

A peça a ser trabalhada - O material a ser trabalhado é da maior importância ao considerar que fluido de corte recomendar. As propriedades do metal e o seu comportamento na usinagem sob determinadas circunstâncias definem uma importante qualidade do metal – a sua usinabilidade.
A Operação - A natureza das operações, tais como torneamento, furação, retificação, etc., também é uma consideração importante. A severidade da operação varia de acordo com cada operação de corte. Condições variáveis como a velocidade da operação, a velocidade e profundidade de corte, o tipo do ferramental e o material a ser usinado, têm uma importante influência na eficácia do fluido de corte.
O Ferramental Obviamente - o ferramental deve ser mais duro que o material a ser cortado, assim o material do ferramental é uma consideração importante. Os materiais normalmente usados para as ferramentas de corte incluem aços carbonos, aços rápidos, metal duro, cermets, materiais cerâmicos e nitreto de boro cúbico (Borazon, CBN ou PCB). O formato do ferramental e nomenclatura também são muito importantes e devem ser considerados quando da escolha do óleo de corte.
Água - O efeito da qualidade da água no desempenho do lubrificante é dramático e importante. Impurezas na água afetam itens como estabilidade, corrosão, formação de resíduos, taxa de crescimento de bactérias e fungos influenciam na eficiência do lubrificante no processo da usinagem.
Filtragem A filtragem visa à obtenção de um lubrificante limpo e é um poderoso auxiliar na retenção dos finos de todo o processo. Um lubrificante limpo proporcionará uma melhoria em muitas áreas que operam com fluidos de corte.


Equipamento - O equipamento pode impor limitações à seleção do lubrificante em virtude do seu projeto. Algumas operações, como retificação e lapidação, requerem que sejam usados produtos específicos elaborados também para operações específicas. A seleção do produto, nestes casos, é relativamente fácil e deve manter-se o mais próxima possível das recomendações do fabricante do equipamento.